RSS

>A esquerda protege o terrorismo islâmico

22 jul

>

“O grupo islâmico libanês Hisbolá estabeleceu uma célula em La Guajira, departamento (estado) colombiano na fronteira com a Venezuela, assegurou um alto funcionário da Chancelaria israelense. A diretora para a América Latina e o Caribe da Chancelaria de Israel, Dorit Shavit, advertiu em entrevista ao diário local “El Tiempo”, publicada hoje, que a célula corresponde com a política de penetração na América Latina que o Irã iniciou a partir de uma conferência realizada em 2005.

A penetração “inclui a abertura de embaixadas com muitos diplomatas e o aumento do número de diplomatas nas embaixadas existentes, como em Uruguai e Chile”, disse a diplomata. A funcionária afirmou que “o Irã já abriu embaixadas na Bolívia e em Manágua, tem uma na Colômbia e faz esforços no Panamá e no Peru”. Segundo ela, “também foram assinados mais de 200 acordos de cooperação com a Venezuela e se utiliza essa relação para penetrar em mais países”…

A diplomata afirmou que o Irã, que é “inimigo estratégico de Israel”, tem “uma linha de voos diretos entre Teerã e Caracas” que parece que “não são comerciais, porque nenhum turista chega nele”. A diplomata disse que a penetração iraniana na América Latina será um dos assuntos centrais da viagem pela região que o chanceler israelense, Avigdor Lieberman, inicia amanhã. O ministro visitará Argentina, Brasil, Colômbia e Peru.”

Fonte: Yahoo / Efe

Um único comentário meu:

► No mundo do faz-de-conta das diplomacias da esquerda americana, o Irã é apenas mais um bom parceiro, que merece o sacrifício da bilateralidade com uma venda sobre os olhos dos direitos fundamentais e um manto sobre a alma da democracia que todos os desgovernantes ora no poder dizem ter por ela lutado… uma rápida consulta nos aspectos sócio-político-econômicos iranianos apresentará um país sem muitos atrativos que justifiquem o consórcio nos moldes do que se propôs Chávez, Lula e respectivos pupilos… o que move essa associação nada mais é do que o tempero que se assomou à bipolaridade geopolítica que muitos tapam os olhos para sua continuidade… me refiro ao islamismo anti-ocidental que por similaridade vem somando esforços com os objetivos seculares da esquerda mundial… a reportagem acima comprova essa invasão, que já está em fase muito mais adiantada na Europa, devido à maior proximidade entre continentes e devido à questão da relação metrópole x colônia… espera-se que esta visita do chanceler Avigdor Lieberman a quatro países em princípio com poder de influenciação nos destinos do subcontinente possa surtir o efeito necessário, não pela possibilidade de apoio desses, mas para que seus mandatários possam saber que a política externa israelense nas mãos de Lieberman tem como princípio fundamental que o outro lado da negociação tem também responsabilidade pela paz, conforme nos assevera Daniel Pipes

Blog do Clausewitz

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em julho 22, 2009 em Terrorismo

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: