RSS

Palestina de 92 anos conta orgulhosa como os Palestinos massacraram 67 judeus em 1929

20 maio


Sara Muhammad, palestina de 92 anos, conta orgulhosamente para a TV do Hamas, como os árabes de Hebron, assassinaram seus vizinhos judeus em 1929, vinte anos antes que fosse proclamado o Estado de Israel, quando não existia nenhuma “ocupação” na Palestina

.

Jornal da época

O diário Arutz Sheva, mostra um vídeo do MEMRI, no qual uma palestina de 92 anos de Hebron, conta com gozo a matança de 67 judeus indefesos na cidade em 1929. Sara Muhammad cujo pai participou do pogrom, disse entre louvores a Allah que: “Nós, o povo de Hebron, massacramos os Judeus com nossa próprias mãos”.

Os árabes, sem que existisse qualquer provocação, assassinaram os filhos na frente de seus pais, estupraram, cortaram membros e queimaram vivos a quem quiseram, exterminando dessa maneira famílias inteiras. Logo depois saquearam e roubaram.

Na época as autoridade coloniais britânicas classificaram o episódio como “atos brutais cometidos por assassinos cruéis contra a indefesa população judia”, “barbárie inqualificável” e “crime hediondo”.

Fonte : De Olho na Mídia

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em maio 20, 2011 em Palestinos

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: